Notícias

Vejam as últimas notícias da ENE

HomeNotícias

Protagonista, Fábio manda recado a Tite: "Se precisar de goleiro, pode chamar!"

Fábio defendeu a cobrança de Diego e garantiu o pentacampeonato do Cruzeiro na Copa do Brasil (Foto: Agência I7) 

É inegável: o goleiro Fábio, do Cruzeiro, vive mais uma de suas grandes fases técnicas na carreira. E provou isso mais uma vez nessa quarta-feira, quando foi herói na final da Copa do Brasil, contra o Flamengo, defendendo o pênalti de Diego e dando a vantagem à Raposa na disputa de penalidades. Após a partida, Fábio foi um dos mais assediados pela imprensa. Entre os assuntos, a Seleção. 

A Copa do Mundo da Rússia está batendo à porta, e a grande questão é: por que Fábio não é lembrado? A resposta só pode ser dada por Tite - e pelos treinadores antecessores -, mas o ídolo celeste dá um recado: a idade - 36 anos - não é problema. 

- Acho que a gente tem que parar com essa coisa de idade. “Não pode ir para essa (Copa do Mundo), não pode ir na outra”. Tem que ir quem está bem. O Tite vem fazendo um ótimo trabalho. Respeito muito. Mas se precisar de goleiro, pode me chamar. 

O pênalti defendido por Fábio foi o 21º dele com a camisa do Cruzeiro (reveja os melhores momentos do jogo e as cobranças no vídeo abaixo). E a lista tem adversários de peso. O goleiro já pegou pênalti de Nilmar, Ronaldo, Luís Fabiano, Ronaldinho, Fred, Luan, entre outros jogadores de renome. A lista aumentou nessa quarta, com a defesa na cobrança de Diego. Fábio comemora. 

- É sempre bom defender, independentemente do nome. Defendi (pênaltis de) grandes jogadores, e foram momentos importantes na minha carreira, que vão ser importantes quando encerrar minha carreira. Momentos ímpares que vivi. 

 

Para quem duvidava...

A trajetória recente do goleiro teve um momento muito marcante. Em agosto de 2016, Fábio sofreu uma lesão seríssima - ruptura de ligamento cruzado do joelho - e ficou parado por um longo período. Se recuperou no início deste ano e voltou a jogar em abril. Nesse meio tempo, Rafael, o goleiro reserva, foi muito bem. Mostrou que está preparado para assumir a meta cruzeirense e deu muita segurança ao time. 

Parte da torcida, naquele momento, pedia a permanência de Rafael no time titular. Aos poucos, porém, Fábio recuperou a titularidade e segue mostrando por que não pode sair do time. 

- Me fortaleci, neste período que eu me lesionei, cada vez mais. A lesão te traz coisas positivas, pude ver se era isso que eu queria, jogar mais tempo. Desde 2010 fazia trabalho para jogar mais. Infelizmente, no Brasil, não somos valorizados igual lá fora. Jogadores lá fora que jogam muito tempo em uma equipe são valorizados. Eles não deixam o que passou desvalorizar. Infelizmente, no Brasil, vivem só de momento. Muitas pessoas falaram que não tinha como eu voltar em alto nível, voltar a ser titular. Respeitei o Rafael sempre. Cresci junto com ele, é meu companheiro de quarto, meu amigo fora de campo. Minhas crianças amam ele. Ele bajula elas, tudo que eles pedem, ele faz. É uma pessoa exemplar. Colheu os frutos do trabalho dele. Em campo, eu só quis me dedicar para voltar em alto nível. Nunca imaginei que seria dessa forma. Deus vai determinar o dia que eu vou parar.

Pênaltis defendidos por Fábio no Cruzeiro

 

Cobrador Clube Competição Ano
Sandro Paraná Campeonato Brasileiro 2005
Diego Marangon Nacional-AM Copa do Brasil 2006
Nilmar Internacional Campeonato Brasileiro 2008
Sergio Blanco Nacional-URU Torneio de Verão 2009
Juan Flamengo Campeonato Brasileiro 2009
Ronaldo Corinthians Campeonato Brasileiro 2009
Thiago Pereira Caldense Campeonato Mineiro 2010
Thiago Pereira Caldense Campeonato Mineiro 2010
Renato Cajá Botafogo Campeonato Brasileiro 2010
Bruno César Corinthians Campeonato Brasileiro 2010
Medina Tolima-COL Libertadores 2011
Luís Fabiano São Paulo Campeonato Brasileiro 2011
Fábio Júnior América-MG Campeonato Mineiro 2012
Luís Fabiano São Paulo Campeonato Brasileiro 2012
Ronaldinho Gaúcho Atlético-MG Campeonato Brasileiro 2012
Fred Fluminense Campeonato Brasileiro 2013
Lucão São Paulo Libertadores 2015
Luís Fabiano São Paulo Libertadores 2015
Diego Renan Vitória Copa do Brasil 2016
Luan Grêmio Copa do Brasil 2017
Diego Flamengo Copa do Brasil 2017
Compartilhar

Georginho assina com o Houston Rockets para participar do training camp

Georginho foi eleito o jogador que mais evoluiu nesta temporada do NBB (Foto: João Pires/LNB)

O armador brasileiro Georginho assinou contrato com o Houston Rockets para participar do training camp da equipe de James Harden e Chris Paul. Após se candidatar para o draft deste ano e passar sem ser escolhido, já se juntou ao grupo de jogadores no café da manhã desta quarta-feira e participa do primeiro treinamento, às 12h. 

O brasileiro começou a carreira no Pinheiros, na temporada 2013/14, e se candidatou para o Draft da NBA,em 2015. Acabou desistindo antes da seleção e assinou com o Paulistano em 2016. Na última temporada do NBB, chegou à final, vencendo os dois primeiros jogos, mas acabou sofrendo a virada para o Bauru, que ficou com a taça. 

O bom desemopenho na última temporada do torneio nacional lhe rendeu uma convocação para a seleção brasileira que disputou a Copa América e acabou não garantindo vaga para o Panamericano de 2019, em Lima, no Peru.

Fonte: SporTV

 

 

Compartilhar

Milhões do prêmio e ‘futuro garantido’: o que vale a Copa do Brasil para os cofres de Cruzeiro e Flamengo

jajajajajaja

(Cruzeiro e Flamengo decidem a Copa do Brasil nesta quarta-feira; Foto: Gazeta Press)

Poucas coisas servem como motivação maior do um troféu. Mas Cruzeiro e Flamengo também têm motivos financeiros ótimos para se esforçarem ainda mais na grande final da Copa do Brasil, às 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira, no Mineirão.

O motivo financeiro mais ‘óbvio’ é o prêmio do torneio. São R$ 6 milhões para o vencedor e ‘apenas’ R$ 2 milhões para o vice-campeão.

A grana não é tão alta assim, é verdade. Tanto é que vai subir (e muito) na próxima temporada – admitindo a ‘defasagem’, a CBF vai subir o prêmio do campeão para incríveis R$ 50 milhões.

Mesmo assim, dinheiro é dinheiro e cai muito bem nos cofres de qualquer um.

Mauro avalia importância de Copa do Brasil para Fla e Cruzeiro, mas pondera: 'Título vai maquiar a temporada fraca dos dois'

Para o Cruzeiro, o título ainda significará um adicional de R$ 500 mil da Caixa, por conta de uma cláusula que prevê essa bonificação do patrocinador do clube em caso de troféu.

O time mineiro já tem acumulado mais R$ 6,8 milhões por ter passado pelas fases anteriores. 

Já o Flamengo acumulou ‘apenas’ R$ 3,75 milhões na competição. Isso porque entrou apenas nas oitavas de final, depois de fazer mais dinheiro ainda na Libertadores.

O torneio continental, na verdade, é outro aditivo importante para os cofres de cada um dos clubes – vale lembrar que o título já garante o campeão na próxima Libertadores. Neste ano, o Fla recebeu R$ 5,4 milhões por ter entrado na fase de grupos da competição.

Além disso, os torcedores gostam muito mais de ver o time disputar a competição. Prova disso é o próprio Flamengo, que, mesmo sendo eliminado cedo, teve média de renda de R$ 3,5 milhões na Libertadores, mais de meio milhão a mais do que vem conseguindo no mata-mata da própria Copa do Brasil, onde está na final.

Estar na competição internacional também é importante para o Cruzeiro por outro motivo: o clube terá que renovar o contrato de patrocinador e vai pedir mais caso tenha a vaga debaixo dos braços.

Quem ficar sem o troféu, claro, ainda terá a chance de se classificar via Brasileirão – os dois estão bem na briga pelo G-6. Mas, é claro, será muito melhor ter a tranquilidade de já garantir a vaga logo.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO X FLAMENGO

Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 27 de setembro de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (SP)

CRUZEIRO: Fábio, Ezequiel, Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson, Robinho, Thiago Neves e Alisson (Rafinha); Raniel. Técnico: Mano Menezes

FLAMENGO: Alex Muralha, Rodinei, Réver, Juan e Miguel Trauco; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Diego e Lucas Paquetá (Gabriel ou Vinícius Junior); Orlando Berrío e Paolo Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda

Fonte: ESPN

Compartilhar

Técnico confirma volta de Neymar e dá a entender que definiu batedor do próximo pênalti

(Unai Emery contará com Neymar em duelo importante contra o Bayern; Foto: AFP) 

Antes do jogo contra o Bayern, Unai Emery diz que Neymar e Cavani "sabem como as coisas vão funcionar dentro de campo e nos pênaltis" e enxerga PSG como "inimigo esportivo" dos grandes clubes da Europa

Os torcedores do Paris Saint-Germain receberam uma boa notícia na manhã desta terça-feira. Durante coletiva de imprensa na véspera da partida contra o Bayern de Munique, o técnico Unai Emery confirmou o retorno do brasileiro, que ficou fora do jogo do fim de semana contra o Montpellier por conta de um machucado no dedão do pé direito. Além do camisa 10, Di María também se recuperou de problemas físicos e está de volta. A partida pela segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões começa às 15h45 (de Brasília) - o GloboEsporte.com transmite ao vivo, com pré-jogo a partir das 14h45. 

A polêmica em torno das cobranças de pênalti voltou à tona, uma vez que será o primeiro reencontro de Neymar e Cavani no ataque do PSG após o desentendimento que tiveram no duelo contra o Lyon. Questionado se já havia definido o cobrador, caso haja penalidade contra o Bayern, Unai Emery deu a entender que sim. 

- Já falei com os jogadores. Eles sabem como as coisas vão funcionar dentro de campo e nos pênaltis. 

Mas o treinador espanhol preferiu não deixar as coisas muito claras quanto a esse tema e enrolou um pouco em outra resposta. 

- São muitos jogadores preparados para bater, e muitos querem bater. Depois vemos com as estatísticas e responsabilidades quais são os mais preparados para bater. E os dois são preparados para isso, o Cavani e o Neymar. Quero os dois com essa responsabilidade. Teremos muitos pênaltis para os dois baterem e converterem, que é o mais importante. 

Emery ainda avaliou a nova fase do PSG, principalmente após as badaladas contratações de Neymar e Mbappé, e minimizou o fato de as polêmicas terem aumentado. 

- Hoje temos mais inimigos esportivos. É um processo pelo qual passamos e hoje somos um inimigo esportivo. Falam mais do PSG. Falam verdades, mentiras, mas falam mais. Somos concorrência no exterior, acho isso bom. Se falam muito do PSG é porque está entre os grandes da Europa. 

O único desfalque dos franceses é Pastore, que está lesionado e sob cuidados dos médicos. De resto, o Paris vai completo para o jogão. A tendência é que o time de Emery tenha Areola, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Kurzawa; Thiago Motta, Verratti e Rabiot; Mbappé, Cavani e Neymar.

 

Fonte: Globo Esporte

Compartilhar

Brasil terá 15 representantes no Grand Prix de Zagreb de judô

(Felipe Kitadai em ação no tatame; Foto: Getty Images)

Entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro, a seleção brasileira de judô disputará o Grand Prix de Zagreb, que será realizado na Croácia. Para a competição, a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) anunciou a convocação de 15 atletas que representarão o País.

Entre os convocados, dois deles já conquistaram medalhas olímpicas defendendo o Brasil: Felipe Kitadai (60kg) foi bronze em Londres 2012, enquanto Leandro Guilheiro tem dois bronzes, em Atenas 2004 e em Pequim 2008, ambos na categoria até 73kg.

Contudo, nem todos os convocados possuem tanta experiência, e a CBJ também convocou jovens promessas. No total, nove atletas nacionais competirão na chave masculina, enquanto seis judocas atuarão entre as mulheres.

No primeiro dia de competição, entrarão em ação os atletas das categorias com pesos mais baixos, enquanto no último serão realizadas as disputas das mais pesadas. As chaves serão definidas na próxima quinta.

Confira abaixo os atletas convocados e os dias em que atuarão no Grand Prix de Zagreb.

29/09 (sexta-feira)
Gabriela Chibana (48kg)
Eleudis Valentim (52kg)
Jéssica Pereira (52kg)
Tamires Crude (57kg)
Felipe Kitadai (60kg)

30/09 (sábado)
Barbara Timo (70kg)
Eduardo Katsuhiro (73kg)
Lincoln Neves (73kg)
Leandro Guilheiro (81kg)
Vinícius Panini (81kg)

01/10 (domingo)
Camila Yamakawa (+78kg)
Rafael Macedo (90kg)
Leonardo Gonçalves (100kg)
Rafael Buzacarini (100kg)
Ruan Isquierdo (+100kg)

Fonte: ESPN

 

Compartilhar

Luxa acusa interferência externa na arbitragem em pênalti

("O árbitro de vídeo entrou no jogo sem estar no jogo. Ele atuou porque não pode o bandeira, de onde estava, chamar atenção", disse Vanderlei Luxemburgo; Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

A partida entre Sport e Vasco foi recheada de polêmicas na noite desta segunda-feira. Além da expulsão de Diego Souza ainda no primeiro tempo do confronto, o técnico Vanderlei Luxemburgo ficou na bronca com a arbitragem de Sandro Meira Ricci, que anotou pênalti a favor do Leão e voltou atrás minutos depois, após consultar um de seus auxiliares.

"O que tenho que reclamar é o seguinte: o árbitro de vídeo entrou no jogo sem estar em campo, isso que temos que lamentar. Se não foi pênalti, o árbitro que está atrás do campo e está ali para isso tem que dizer que não foi pênalti para árbitro que está apitando. O bandeira pode chamar atenção. Não pode o cara que está do outro lado, com uma porção de gente na frente, ir chamar atenção e dizer… tem alguém de fora que avisou. Isso que não pode, ter interferência externa. Única reclamação que tenho é essa. O árbitro de vídeo entrou no jogo sem estar no jogo. Ele atuou porque não pode o bandeira, de onde estava, chamar atenção", disse Vanderlei Luxemburgo ao Sportv .

 

Aos 24 minutos do segundo tempo, o Vasco vencia por 1 a 0 quando o árbitro Sandro Meira Ricci assinalou toque de mão de Anderson Martins, marcando pênalti para o Sport. Após muita reclamação dos vascaínos, porém, Ricci mudou de ideia ao consultar o assistente Marcelo Van Gasse, que estava mais distante do lance. Após a conversa, o juiz anotou que a bola bateu no peito do defensor - o que realmente ocorreu - e anulou a marcação do pênalti.

Com a anulação do pênalti, o Sport teve um escanteio à seu favor, cobrado curto para o zagueiro Ronaldo Alves, que isolou a bola com um chute para arquibancada como forma de protesto. Após o confronto, o defensor afirmou que cogitou abandonar a partida pelo ato do juiz.

"Eu até gosto do Sandro. Já conheço ele de algumas oportunidades, mas infelizmente eles vieram aqui e atrapalharam nosso trabalho. Começou com a expulsão do Diego e depois marcando faltinhas que vão estressando os jogadores dentro de campo. A arbitragem do futebol brasileiro é um reflexo de quem comanda o país. Com a sujeira para debaixo do tapete. Pensei em sair do jogo em forma de protesto. Mas depois pensei no meu elenco e não poderia deixar o time na mão", revelou Ronaldo Alves ao Superesportes . Na ocasião, o técnico Vanderlei Luxemburgo ainda tinha direito a uma substituição.

Fonte: Terra

Compartilhar

DISTRITO FEDERAL

Telefones Secretaria:
(61) 3381 9928
(61) 3254 6643
(61) 3263 8588
(61) 3263 8581

Whatsapp:
(61) 99575 9393

 


Atendimento Comercial

LUCAS CAETANO
(61) 99227 3742

JOÃO GABRIEL
(61) 99240 6734

RIO DE JANEIRO

(21)  2109-6857
(21) 97190 3073

JOINVILLE

(47) 3227 44 41
(47) 9609 0827

Console de depuração do Joomla!

Erros

Sessão

Informação do perfil

Memória Utilizada

Consultas ao banco